PF busca grupo suspeito de desviar recursos em Itaguaí, RJ

Segundo corporação, prefeito é suspeito de liderar grupo.
Buscas visam localizar e apreender documentos e valores de origem ilícita.


Do G1 Rio

Agentes da Polícia Federal (PF) iniciaram na manhã desta quinta-feira (18) a operação “Gafanhotos”, que tem como objetivo desarticular uma suposta quadrilha que atuava na prefeitura de Itaguaí, na Região Metropolitana do Rio, desviando verbas públicas. Segundo a corporação, os policiais cumprem 11 mandados de busca e apreensão e cinco de condução coercitiva em Mangaratiba, Niterói e Itaguaí.


Prefeito de Itaguaí Luciano Mota (PSDB)

Segundo a PF, o grupo seria liderado pelo prefeito Luciano Mota (PSDB). As buscas visam localizar e apreender documentos, valores de origem ilícita e bens móveis adquiridos com o dinheiro desviado.

Durante a primeira fase da investigação, a PF havia apreendido dois veículos de luxo adquiridos pela quadrilha, que envolve além do prefeito de Itaguaí, três secretários municipais e um gerente de empresa de coleta de lixo que presta serviço na região.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas