Postagem em destaque

Consumidor paga até 55% em tributos em produto de Páscoa

FOLHA DE SP
DE SÃO PAULO

Consumidores que comprarem itens de Páscoa darão uma significativa contribuição aos cofres públicos. Levantamento do IBPT (Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário) revela que a tributação em mercadorias típicas da data podem superar metade do valor da venda.

A maior incidência se dá no vinho, que carrega 54,73% de carga tributária no preço ao cliente. O peso da tributação nos ovos de chocolate e na colomba pascoal é de quase 40%. O item que apresenta a menor mordida do Leão é o buquê de flores, com carga inferior a 20%.

DICAS

A associação de consumidores Proteste alerta os consumidores a observar as embalagens com atenção, já que ovos com o mesmo número podem trazer pesos diferentes. A entidade também sugere que a troca do ovo de Páscoa por caixas de bombom e tabletes de chocolate podem trazer uma redução de até 84% nos gastos durante o período.

"A Proteste orienta a pesquisar bem antes da compra, pois até mesmo as barras de chocolates ficam mais caras nesta época do ano. A sazonalidade influencia o preço", lembra a entidade.

Carga tributária dos produtos de Páscoa:
Produto carga tributária
Almoço em restaurante 32,31%
Bacalhau importado 43,78%
Bombons 37,61%
Brinquedos 39,70%
Buquê 17,71%
Cartão de Páscoa 37,48%
Chocolate 38,60%
Coelho de pelúcia 29,92%
Colomba pascoal chocolate 38,68%
Ovo de Páscoa 38,53%
Peixes 34,48%
Vinho 54,73%
Fonte: IBPT
0