Declarações de bens de Sarney à Justiça Eleitoral contradizem alegação sobre mansão



Piero Locatelli
Em Brasília

A justificativa apresentada pelo presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), por não declarar à Justiça Eleitoral a mansão avaliada em R$ 4 milhões onde mora em Brasília, entra em contradição com dados disponíveis na Justiça Eleitoral e que podem ser checados no site Políticos do Brasil.

A reportagem do UOL Notícias acessou as prestações de conta divulgadas pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral) e comparou as declarações de bens de Sarney com as informações alegadas pelo peemedebistas hoje. Em nota, a assessoria de imprensa da presidência do Senado afirma que "por equívoco do contador, em 2006, foi apresentada à Justiça Eleitoral a mesma lista de bens de 1998".

As duas declarações, no entanto, são completamente distintas. Embora não conste em nenhuma delas a casa avaliada em R$ 4 milhões, residência do senador no Lago Sul, área nobre de Brasília, como diz Sarney, outros bens não correspondem.

O comparativo entre as declarações mostra que o patrimônio de Sarney quase dobrou nesse período e bens foram adquiridos e vendidos. O senador aumentou seu patrimônio de R$ 2.296.020,20 na declaração de 1998 (referente ao ano base de 1997) para R$ 4.263.263,45 na declaração de 2006 (referente a 2005).

No período, Sarney deixou de possuir um bote motorizado de madeira com construção artesanal, avaliado em R$ 12.246. Entre outros bens, também há cinco imóveis na declaração de 2006 que não constavam em 1998.

A assessoria de Sarney pediu tempo para "verificar as informações" antes de se pronunciar sobre o assunto.

Crise no Senado

Na tarde desta sexta, a ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff (PT), defendeu Sarney e cobrou explicações do DEM, partido que o apoiou nas eleições à presidência da Casa e que agora pede seu afastamento temporário.

Sarney e Lula reuniram-se hoje em Brasília para discutir a questão. Às 13h40, Sarney deixou a reunião, mas não falou com a imprensa.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas